img


01 dez

Estresse x Dieta

Categoria: Nutrição | 01 de dezembro de 2014 | sem comentários

Cansada de ter o estresse como inimigo número um da sua dieta? Comece adotando novos e bons hábitos que podem ajudar, e descubra um pouco mais sobre este vilão da perda de peso.

Por que o estresse engorda?

São efeitos do estresse a má qualidade do sono e a compulsão alimentar. Além disso, muitas pessoas que sofrem desse mal não têm tempo nem disposição para se dedicar a uma atividade física. O estresse também aumenta a quantidade do hormônio cortisol. “Em excesso, esse hormônio favorece o depósito de gordura na região abdominal”. “A tensão permanente estimula, ainda, a produção do hormônio grelina, que abre o apetite. Por isso, a pessoa sente mais fome e acaba comendo mais.

Dicas para emagrecer sem preocupação:

· Fuja de dietas muito restritivas;

· Procure não se irritar com situações inevitáveis, como trânsito. Tente se distrair;

· Descomplique a vida. Não deu tempo de fazer o jantar? Tenha na geladeira verduras lavadas e ingredientes para preparar um lanchinho leve e saudável;

· Nunca pule refeições. Temos que comer a cada três horas;

· Durma bem. Quanto mais descansada estiver, mais fácil será seguir o regime;

· Evite ingerir substâncias estimulantes à noite: café, chá-mate, chá-preto, chocolate e álcool podem atrapalhar o sono;

suco-laranja-vitamina-c-epoch-times

 

Nutrientes bons para relaxar:

· Abacate: ele não é, como muita gente diz, o vilão das dietas. A fruta aumenta a produção do bom colesterol e tem uma substância que controla os níveis de cortisol;

· Chia e linhaça: tanto a farinha quanto o óleo de linhaça e a semente de chia são fontes de ômega 3, anti-inflamatório que corta o ciclo do estresse;

· Banana: aumenta a produção da serotonina, que traz sensação de bem-estar;

· Castanhas: contêm nutrientes ligados ao bem-estar e ao combate do estresse;

· Vegetais verde-escuros: reduzem os níveis do hormônio cortisol;

· Chá de passiflora, erva-doce e camomila: ajudam a induzir o sono, relaxam, reduzem a ansiedade e a compulsão alimentar;

· Acerola: fortalece o sistema imunológico, afetado pelo estresse;

· Farelo e gérmen de trigo: são ricos em zinco, que fortalece as defesas do organismo;

· Peixes: são ricos em ômega 3, nutriente importante para o cérebro conseguir armazenar informações;

· Chá-verde: tem substâncias que reduzem o estresse mental;

· Milho: a espiga in natura ajuda a controlar a ansiedade;

· Vitamina C: brócolis, mamão papaia, laranja, kiwi, goiaba e morango são alimentos ricos em vitamina C, que promove o bom funcionamento do sistema nervoso e aumenta a sensação de bem-estar.

 


Deixe seu Comentário

Os campos com (*) são obrigatórios.